sexta-feira, 1 de agosto de 2008

Alma de poeta


Aquelas pessoas por quem tenho grande admiração, pelo seu jeito de ser e de se expressarem... Por terem esse dom maravilhoso de serem verdadeiros poetas!!!

Algumas delas são vocês: Lucas, Renato, Ju, Van e minha irmã raposa Little Fox.


Meu eu fingidor, meu eu da dor.

As palavras que escrevo

Partiram de minha alma.

Quem me dera não sentir a dor

Deste nobre ser sonhador.


Nas entrelinhas de um poema,

Uso as palavras escritas pelas que não foram ditas

Meus segredos não revelados,

Meus murmúrios de alegria, minhas fantasias,

Meu ser ferido, o meu eu escondido.


Nessas linhas compartilho quem sou,

Por elas conhecei me.

Sou assim como me vês.

Sou assim como lês.

Sou apenas poeta.

8 comentários:

Lucas Nietzel disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Ana disse...

E acha que ia esquecer você é???
Amei o comentario viu...
Te amo lindinho!

Vanessinha First disse...

Poeta es tu grande amiga...
o poema esta lindo!!!

Obrigada por lembrar d mim... ja lhe disse q sempre q precisar estarei aki...uma sempre vai levantar a outra lembra...sempre t ajudarei no q for preciso e possivel tbm e qm sabe ateh o impossivel(eh soh fala cm nossos amigos ETs hauhuahua)

Minha bruxinha e companheira preferida!!!

Te Amo amiga!!!!

Ana disse...

Van amiga e bruxinha favorita...
Te amo viu!!!

Renato disse...

Que vou dizer diante de um poema tão lindo como esse? Só tenh que me render a tamanha homenagem como essa. Vc é um verdadeira poetisa mesmo.
Lindo!!!!!
Obrigado!!!!
Um bjão p vc!

Ana disse...

Que bom te ver aqui Renato!!!
\O/
Obrigada pelo elogio, mas nem sou poetisa não...
Que bom que gostou viu!
Beijos

Lita Figueiredo disse...

Minha linda amiga poetisa! Como não se considera poetisa? Quem screveu esse poema lindo? Ana, vc escreve muito bem, tem alma de poeta porque é poeta. "Poeta, sai da gaveta!" Parabéns!!!

Ana disse...

Ah Lita obrigada pelos elogios...
Adoro te viu...
Beijos
=***