segunda-feira, 6 de julho de 2009

Despedida


Ela já não pode mais estar ali...

Colocou poucas coisas na mala e partiu,

Sem dizer adeus, sem deixar uma carta de despedida.

Seguiu rumo a si mesma.

Procurava por algo perdido há tanto tempo,

Procurava por si própria...

Pela janela via ruas e pessoas passarem,

Desceu sem saber onde estava...

Não queria pensar em nada...

Seguiu em direção a praia,

Viu as ondas que quebravam nas pedras...

Andou descalça pela areia, sentou-se a beira mar.

Da mochila retirou fotos, lembranças, recordações do passado.

Atirou tudo ao mar...

Lágrimas salgadas, como o oceano, percorrem-lhe a face.

Desejou apenas que o passado fosse um trágico engano...

Lançou ao mar pensamentos, passado e a si própria...

Só assim... Só assim... Ele iria embora...

E o mar levou... Levou tudo embora...

Ana P. Quitério






8 comentários:

ju disse...

Como sempre, você sabe colocar todo sentimento...
LIndo, lindo , lindo!!
amo vc!!

Ana disse...

Ju minha amiga linda!
O que seria de mim sem você hein?
Obrigada por estar em minha vida, você é um presente nela...
Te amo amiga!!!

SAMUKA THEODORO OLIVEIRA disse...

Em certas situações a despedida sem dizer ADEUS é uma decisão correta a ser tomada
Ir à busca de si mesmo encontrar auto-estima.
Lembranças, recordações do passado só nos fazem chorar.
Muito lindo seu texto.
Fico feliz por ter sua companhia no meu blog beijos...

O Profeta disse...

Haverá?! Há sempre uma deusa perdida
Nos labirintos da contradição
Há sempre alguém que usa a palavra amor
Soprando doce veneno ao coração
Há sempre alguém que nos diz coisas tontas
Há sempre alguém que afugenta a Saudade
Há sempre alguém que nos marca a ferro frio
Há sempre uma alma ausente da verdade


Boa semana


Doce beijo

Ana disse...

Ola Samuka, na verdade a felicidade é minha em tê-lo aqui!
Às vezes se ficamos presos ao passado sempre estaremos mal, e será impossível seguir, ou se seguimos com sombras do passado nunca seremos realmente felizes...
Ir em busca do próprio eu, no meu ponto de vista, é renovação constante, temos que ir atrás disso dia-a-dia...

Beijos

Ana disse...

Seja bem-vindo Profeta!

Uau que poema lindo que postou, fiquei simplesmente sem palavras para responder ao seu comentário.

O que posso dizer é que, sempre haverá um alguém que nos fará bem e nos fará o mal, haverá alguém para nos curar e para nos ferir... Sempre haverá alguém...
Mas que esse alguém mais nos faça sentirmos melhores do nos sentimor mal...

Beijos

ivone fonseca disse...

Tomara que este mar tenha levado mais q angustias e sofrimentos tenha tb lavado a alma e a deixado livre pra viver e sonhar novos sonhos...


Bj linda..

Ana disse...

Ivone como é bom vê-la por aqui...
Esse mar está lavando a minha alma e levando o que há de mal nela...

Obrigada
Beijos
=***